Vem aí “Colegas”, filme brasileiro mais aguardado dos últimos tempos

1 fev

Este slideshow necessita de JavaScript.

Filmado no Brasil e Argentina, mega produção de Marcelo Galvão está pronta
para seguir para os festivais de cinema e estrear no circuito comercial
no segundo semestre.

Neste ano vai estrear Colegas, primeiro longa-metragem nacional protagonizado por três atores com síndrome de Down – Ariel Goldenberg, Rita Pokk e Breno Viola. O longa-metragem está pronto para ser submetido aos mais importantes festivais de cinema no Brasil e exterior. O lançamento comercial em salas de cinema está previsto para o segundo semestre.

O filme traz também nomes como Lima Duarte, Leonardo Miggiorin, Marco Luque, Juliana Didone, Christiano Cochrane, Daniele Valente, Otavio Mesquita, Germano Pereira, Nill Marcondes,  Thogun, além de contar com mais 60 jovens com síndrome de Down no elenco de apoio.

Colegas é uma divertida comédia que trata de forma poética coisas simples da vida, através dos olhos de três personagens com síndrome de Down. Eles são apaixonados por cinema e trabalham na videoteca do instituto onde vivem. Um dia, inspirados pelo filme “Thelma & Louise”, resolvem fugir no Karmann-Ghia do jardineiro (Lima Duarte) em busca de três sonhos: Stalone quer ver o mar, Aninha quer casar e Márcio precisa voar. Nesta busca, se envolvem em inúmeras aventuras como se tudo não passasse de um maravilhoso sonho.

O longa-metragem da produtora Gatacine venceu o prêmio de melhor roteiro do Festival de Paulínia (2008) por decisão unânime, o Edital de Fomento à Cultura do Estado de São Paulo (2008), também por decisão unânime, o Edital de Paulínia (2010) e o edital da Petrobras (2010). Conta com o patrocínio da Sabesp, Prefeitura Municipal de Paulínia, Petrobras, Neoenergia, AkzoNobel, KSB, Libbs, NET, Locaweb e Senac.

Inclusão Social

Colegas deverá promover reflexões, incentivar a inclusão social e a valorização da diversidade, desmistificando lendas e preconceitos. “O filme não os mostra como excepcionais, mas sim como seres humanos, cheios de sonhos e esperanças”, relata o diretor Marcelo Galvão. “É um filme alto astral para a família, com censura livre, que irá agradar a todos, independente de sexo, nacionalidade ou credo. A trama aborda temas universais e inerentes a todo ser humano como sonhos, liberdade, amizade, confiança e amor”, complementa.

Em vez de mostrar atores fazendo papel de deficiente (como em “Rain Man”), o diretor Marcelo Galvão decidiu fazer um trabalho de preparação de atores Down. “Desde o início do projeto há anos, tivemos a oportunidade de conhecer dezenas de jovens Down encantadores, sendo que muitos deles estão no filme”, revela.

O diretor explica que sempre gostou da forma pura e poética como essas pessoas veem o mundo. “Fui criado com um tio que tem síndrome de Down e meu avô foi um dos fundadores da primeira Apae (Associação dos Pais e Amigos dos Excepcionais) do Brasil, no Rio. Estamos abordando o tema de forma divertida, mostrando a capacidade que esses jovens têm de entreter, divertir e emocionar as pessoas com sua atuação. O mais legal é ir ao cinema, entrar na história, torcer por eles e esquecer que eles são Down”, salienta.

Os ensaios semanais com o elenco Down e todo o processo envolvendo a preparação de atores, pré-produção, filmagem e lançamento podem ser acompanhado pelo público através do blog e páginas do filme no Facebook. “A expectativa em relação ao filme é enorme – basta visitar nossas mídias sociais pra perceber isso”, complementa Galvão.

Eu vou pro Oscar

Ariel sonha ganhar o primeiro Oscar do Brasil e para isso criou e atualiza a página no Facebook “Eu vou pro Oscar”, que tem vários seguidores.  Seu objetivo é juntar o maior número de pessoas que apoiam a causa.

Gatacinescola

“Colegas” também é uma iniciativa educacional ligada à Gatacinescola, escola de cinema criada por Marcelo Galvão na qual o aluno aprende cinema na prática. Diversos deles foram empregados na produção do filme, mostrando o caráter profissionalizante da iniciativa.

Os atores protagonistas Ariel, Rita e Breno continuam exercitando na Gatacinescola as técnicas de dramaturgia que usaram durante as filmagens, assim como vêm gerando conteúdo cinematográfico que contribui para a inclusão social. Esses vídeos estão sendo postados e compartilhados nas mídias sociais.

Saiba mais

www.colegasofilme.com.br

www.facebook.com/colegasofilme

www.facebook.com/euvouprooscar

http://twitter.com/euvouprooscar

>> Clique na miniatura para ampliar a imagem:

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: